Página inicial do site Centro-Oeste
Página inicial da seção Ferrovias do Brasil
  
   
   
Agenda do Samba e Choro
Proposta retirada (por enquanto) do PPCUB, de transformar a Esplanada Ferroviária de Brasília em núcleo urbano com prédios de seis andares
Proposta retirada (por enquanto) do PPCUB, de transformar a Esplanada Ferroviária de Brasília em núcleo urbano com prédios de seis andares.
Detalhe do mapa elaborado pela arquiteta e urbanista Vera Ramos / Urbanistas por Brasília

Referências

Lúcio Costa
Relatório do Plano Piloto
de Brasília

4 – Como decorrência dessa concentração residencial, os centros cívico e administrativo, o setor cultural, o centro de diversões, o centro esportivo, o setor administrativo municipal, os quartéis, as zonas destinadas a armazenagem, ao abastecimento e às pequenas indústrias locais, e, por fim, a estação ferroviária, foram-se naturalmente ordenando e dispondo ao longo do eixo transversal que passou assim a ser o eixo monumental do sistema (fig. 4). Lateralmente à intersecção dos dois eixos, mas participando funcionalmente e em termos de composição urbanística do eixo monumental, localizaram-se o setor bancário e comercial, o setor dos escritórios de empresas e profissões liberais, e ainda os amplos setores do varejo comercial.

14 – Acima do setor municipal foram dispostas as garagens da viação urbana, em seguida, de uma banda e de outra, os quartéis e numa larga faixa transversal o setor destinado ao armazenamento e à instalação das pequenas indústrias de interesse local, com setor residencial autônomo, zona esta rematada pela estação ferroviária e articulada igualmente a um dos ramos da rodovia destinada aos caminhões.

Esplanada Ferroviária

PPCUB
Plano Piloto de Brasília
Pátios ferroviários
"Pátio de Brasília será o maior"
SIA
Soja
Areia e Trigo
Sucata
Coque
Containers
Inflamáveis
UTE

Trens de passageiros

Vitória - Belo Horizonte
São Luís - Parauapebas

Antigos trens de passageiros

Xangai
Barrinha
Expresso da Mantiqueira
Barra Mansa a Lavras
Trem de Prata
Trem Húngaro
Automotrizes Budd
Litorinas Fiat
Cruzeiro do Sul
Trem Farroupilha
Trem de aço da Paulista

Plataforma de embarque: 1995

Trens turísticos e passeios ferroviários
Trens de passageiros
Museus ferroviários
Maquetes ferroviárias
Eventos

  

Trens turísticos

Trem do Corcovado
São João del Rei
Campos do Jordão
Ouro Preto - Mariana
Trem das Águas
Trem da Mantiqueira
Trem das Termas
Montanhas Capixabas
Teleférico de Ubajara

Em projeto

Expresso Pai da Aviação
Trem ecoturístico da Mata Atlântica
Locomotiva Zezé Leone

Antigos trens turísticos

São Paulo - Santos
Cruzeiro - São Lourenço
Trem da Mata Atlântica
Trem dos Inconfidentes

Calendário 1987
VFCJ | Bitolinha | Lapa | Inconfidentes | Trem da Serra | Paranapiacaba
   

Esplanada Ferroviária de Brasília
A discussão do PPCUB 2013
Plano de Preservação do Conjunto Urbanístico de Brasília


 
Flavio R. Cavalcanti - Dez. 2013

A função da ferrovia no abastecimento de Brasília ainda não entrou na atual discussão do planejamento urbano.

A proposta de liberar a Esplanada Ferroviária para a criação de um novo núcleo urbano foi um dos quatro itens que provocaram as maiores reações, e acabaram retirados do PPCUB pelo governo do DF.

No caso da Esplanada Ferroviária, porém, não transpareceu nenhum sinal de preocupação com a função indicada no Plano Piloto de Brasília por Lucio Costa e desenvolvida pela RFFSA — de reunir e organizar de modo racional os estabelecimentos de recepção, armazenagem, transformação e distribuição de produtos trazidos por trem para o abastecimento de Brasília.

Em todas as críticas, predominou a preocupação com o adensamento urbano e a preservação de características plásticas, arquitetônicas, ambientais, humanísticas etc. — mas, não, com a organização da infraestrutura material que viabilize as melhores intenções, ao menor custo ambiental e econômico.

Variações sobre uma frase

Pesquisa de mais de 500 notícias, documentos, postagens etc. sobre o PPCUB não encontrou mais do que 1 única frase com referência à “Rodoferroviária” e/ou ao “Setor Ferroviário”, com poucas variações:

 

Parâmetros da pesquisa

• 56 resultados (Google) para “PPCUB” + “ferrovi” (520 com repetições)

• “Links relacionados”, quando existentes na página e são relevantes

• Busca no site por “ferrovi”, quando especializado em urbanismo, PPCUB, política local etc.

• CTRL-F por “ferrovi” em cada página visitada

Obs.: Menos de 20 resultados no período de 1º Jan. 2009 a 6 Jun. 2012


• “criação de um núcleo urbano com prédios de até nove andares nas proximidades da Rodoferroviária[“Governo retira pontos polêmicos que permitiria construção em áreas tombadas”. Correio Braziliense, 20/11/2013]

• “A urbanização da área atrás da Rodoferroviária com prédios de até seis andares também não constarão mais no plano de preservação” [“Após reunião com distritais, GDF retira pontos polêmicos do PPCUB”. R7, 20/11/2013]

• “criação de um núcleo urbano com prédios de até nove andares nas proximidades da Rodoferroviária[“Itens polêmicos serão retirados do projeto de lei que pretende criar o PPCUB”. Correio Braziliense, 20/11/2013]

• “autorização para um novo loteamento com infraestrutura completa atrás da antiga rodoferroviária[“PPCUB: governo quer discutir canteiro no Eixo Monumental e quadra 901 Norte”. Correio Braziliense, 21/11/2013]

• “construção urbana que abrigaria edifícios de até seis andares atrás da rodoferroviária[“Quatro pontos polêmicos são retirados do PPCUB”. Jornal de Brasília, 21/11/2013]

• “autorização para um novo loteamento com infraestrutura completa atrás da antiga rodoferroviária[“PPCub: governo quer discutir canteiro no Eixo Monumental e quadra 901 Norte”. Correio Braziliense, 21/11/2013]

• “Autorização para novo loteamento com prédios de até seis pavimentos em área localizada atrás da antiga Rodoferroviária[“CAU/DF se manifesta sobre a retirada de pontos controversos do PPCUB pelo Governo do Distrito Federal”. CAU/DF, 21 de novembro de 2013]

• “Autorização para novo loteamento com prédios de até seis pavimentos em área localizada atrás da antiga Rodoferroviária[“Conselho se manifesta sobre retirada de pontos controversos do PPCUB”. CorreioWeb, 22/11/2013]

• “criação de núcleo urbano ao lado da antiga Rodoferroviária[“Reunião no IAB colocará em debate outros pontos polêmicos do PPCUB”. Correio Braziliense, 25/11/2013]

• “possibilidade de criação de uma cidade com prédios de nove andares no Setor Ferroviário, próximo à antiga Rodoferroviária e ao Setor Militar” [“PPCUB atende à especulação imobiliária em Brasília e não pode ser aprovado, dizem urbanistas”. Jornal de Brasília, 05/12/2013]

• “criação de uma cidade com prédios de nove andares no Setor Ferroviário, próximo à antiga Rodoferroviária e ao Setor Militar Complementar” [“Senadores debatem aberrações do PPCUB”. Diário do Poder, 5 de dezembro de 2013]

A fonte dessa frase — como, aliás, de boa parte do debate, — parece ter sido a análise do PLC-78/2013 (PPCUB), do PLC-79 (LUOS) etc. realizada pela arquiteta e urbanista Vera Ramos, que produziu um mapa e uma descrição das “Principais alterações propostas”. A primeira frase é do PDF; a segunda, da apresentação no site:

• “Cria novo núcleo urbano: Destina as áreas do Setor Militar Complementar - SMC e do Parque Ferroviário de Brasília - PFB (atrás da Rodoferroviária), incluídos na Área de Entorno (AE 6) do Conjunto Urbanístico de Brasília, para novo núcleo urbano com vistas à expansão da administração pública federal, e para o usos comercial, prestação de serviços e habitacional, com altura máxima de vinte e sete metros. ( Art. 31).”

• “Próximo à antiga Rodoferroviária, em área externa ao Conjunto Urbanístico de Brasília, é proposta a criação de um novo núcleo urbano” [“Plano de Preservação do Conjunto Urbanístico de Brasília – PPCUB – PLC 078/2013 – Principais alterações propostas”. Vera Ramos – Arquiteta e Urbanista – Diretora de Patrimônio Cultural – Instituto Histórico e Geográfico do DF – no site Urbanistas por Brasília, 9 Nov. 2013]

Quanto ao gabarito proposto, — já que a fonte aparente não tocou no assunto, vindo daí, talvez, a oscilação entre 6 e 9 andares, — havia sido indicada quase um ano e meio antes [7 Jun. 2012], no seminário “Preservação e Desenvolvimento de Sítios Históricos”, pela arquiteta Rejane Jung Viana, assessora especial da Sedhab:

“O SE-06 corresponde à AE6. As alturas ficaram limitadas a 12 m para a faixa de 500 m a oeste EPIA, além dessa faixa, 21 m (6 pav) pela Portaria. Vale lembrar, contudo, que a altura dos blocos das superquadras é, originalmente, de 24,5 m. Na Vila Estrutural, SAA e SOF Norte, pelo PPCUB, as alturas têm limite de 14 m e o Setor Militar Complementar - SMC e o Pátio Ferroviário de Brasília- PFB, têm limite de 27 m” [“O Plano de Preservação de Brasília – PPCUB – Seminário – 2012”. Arq. Rejane Jung Vianna, Assessora Especial Sedhab]

 

Questões não colocadas

• A conferir, como diria Garrincha, se “já combinou com o outro time”. — Após a chamada “privatização” das ferrovias, a RFFSA entrou em processo de liquidação e o patrimônio considerado sem interesse para a operação ferroviária foi transferido para a SPU - Secretaria do Patrimônio da União; que, por sua vez, vem transferindo imóveis para prefeituras. A questão, portanto, é saber se o terreno da Esplanada Ferroviária de Brasília foi transferido para o governo do Distrito Federal (GDF), ou se ainda pertence à União; e, neste caso, se ainda é “ferroviário” ou está para descarte. A única hipótese de se manter alguma expectativa de concretizar a “Esplanada Ferroviária de Brasília” planejada por Lucio Costa e detalhada pela RFFSA, um dia, é o terreno ser mantido (ou recuperado) para esta finalidade.

«» ª •’ — “”
Esplanada Ferroviária
"Pátio de Brasília será o maior" | Pátios ferroviários | SIA | PPCUB
Localização (1977) | Extremidade norte | Extremidade sul | Além do viaduto
Soja | Areia e Trigo | Sucata | Coque | Containers | Inflamáveis | UTE
Estação ferroviária de Brasília
Camuflagem | Pilotis | Lanchonete | Subsolo | Piso superior | Torre sul | Torre norte | Plataformas
Abastecimento | Como seria | Maquete | Como ficou
Estação Bernardo Sayão
A chegada do trem a Brasília
Um trem para Brasília | O primeiro trem para Brasília
"Trens de luxo para Brasília" | Expresso Brasil Central | Reinauguração do Bandeirante
Ligação Santos-Brasília | Balanço de fim de jornada
Pátio de Brasília será o maior | A nova estação de Brasília
Abastecimento de combustíveis | Variante Pires do Rio e mudança do DNEF
A logística da construção | As ferrovias da Novacap
4ª viagem Experimental de trem para Brasília | Os trens experimentais do GTB
   

Ferrovias

• Estação de Cachoeiro de Itapemirim | Pátio ferroviário (1994) - 28 Fev. 2016

• Caboose, vagões de amônia e locomotivas da SR7 em Alagoinhas (1991) - 25 Fev. 2016

• Locomotivas U23C modificadas para U23CA e U23CE (Numeração e variações) - 17 Fev. 2016

• A chegada da ponta dos trilhos a Brasília (1967) - 4 Fev. 2016

• Livro “Memória histórica da EFCB” - 7 Jan. 2016

• G8 4066 FCA no trem turístico Ouro Preto - Mariana (Girador | Percurso) - 26 Dez. 2015

• Fontes e fotos sobre a locomotiva GMDH1 - 18 Dez. 2015

• Locomotivas Alco RS no Brasil - 11 Dez. 2015

• Pátios do Subsistema Ferroviário Federal (2015) - 6 Dez. 2015

  

Ferreofotos

• Alco RSD8 Fepasa - 29 Fev. 2016

• G12 200 Acesita - 22 Fev. 2016

• “Híbrida” GE244 RVPSC - 21 Fev. 2016

• U23C modernizadas C30-7MP - 17 Fev. 2016

• C36ME MRS | em BH | Ferronorte - 14 Fev. 2016

• Carregamento de blocos de granito na SR6 RFFSA (1994) - 7 Fev. 2016

• G12 4103-6N SR6 RFFSA - 6 Fev. 2016

• Toshiba nº 14 DNPVN em Rio Grande - 25 Jan. 2016

• Encarrilamento dos trens do Metrô de Salvador (2010) - 14 Nov. 2015

• Incêndio de vagões tanque em Mogi Mirim (1991) - 9 Nov. 2015

• Trem Húngaro nas oficinas RFFSA Porto Alegre (~1976) - 21 Out. 2015

  

Ferreoclipping

• Passagens e calendário do trem turístico Ouro Preto - Mariana | Percurso - 20 Dez. 2015

• Passagens e descontos do Trem do Corcovado | Onde comprar - 12 Dez. 2015

• Estação Pirajá completa a Linha 1 do Metrô de Salvador - 28 Nov. 2015

• EF Campos do Jordão | Horários | Hospedagem - 15 Jul. 2015

Acompanhe

     

Busca no site
  
  
Página inicial do site Brasília
Página inicial do site Brasília
Sobre o site Brasília | Contato | Publicidade | Política de privacidade